LEIAM AS CONTESTAÇÕES DAS OPERADORAS NA AÇÃO CIVIL COLETIVA DA AMARBRASIL X TELEFÔNICAS / “DING-LINGS”

 No conjunto das contestações das as telefônicas (em anexo) vê-se que, mais que o temor da decisão liminar para bloquear os ding-ling, está o da ordem para indenização coletiva e de custos com a substituição dos aparelhos ding-ling.

 A contradição e má-fé das operadoras é explicita. Enquanto ao Juiz do processo dizem que não é possível controlar,  as notícias do G1 que começaram a circular no domingo à noite (11.11.2012) dão conta de que as operadoras se uniram e estão construindo o sistema para já, no primeiro trimestre de 2013, barrar o serviços aos telefones piratas.

 

A “boa notícia” da ANATEL de que o sistema vai “ajudar” aos fabricantes de aparelhos nacionais, seria digna de elogio, se não fosse dada sob a ameaça de iminente decisão do Juiz da 7ª Vara Federal de Brasília. As contestações serão juntadas até o dia 16.

 

saúde dos negócios da telefonia, comunicação de dados e voz no Brasil está na Democracia, em ações que impliquem na defesa da cidadania e democracia. As leis estão aí e o Poder Judiciário também.  

 

Divulguem e apoiem o trabalho da AMARBRASIL. Informação é a base da democracia.

 

Leiam as contestações das operadoras e a notícia do site G1, acessando:

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *